Governo deposita parcela de R$ 700 do salário de abril a 207 mil servidores

Jpeg

Rio – O governo estadual pagará, nesta quarta-feira, uma parcela de apenas R$ 700 referente ao salário atrasado de abril a 207 mil servidores ativos, aposentados e pensionistas. Segundo a Secretaria de Fazenda, serão creditados ao todo R$ 138 milhões.

O depósito ocorrerá ao longo do dia, mesmo após o término do expediente bancário, informou a pasta. As próximas parcelas do salário de abril sairão conforme a arrecadação. Com o crédito de hoje, o estado terá pago R$ 1,2 bilhão líquido da folha de abril. O valor líquido da folha do Executivo é de R$1,6 bilhão.

Esses 207 mil servidores deveriam ter recebido os vencimentos de abril em 15 de maio, que foi quando caiu o décimo dia útil (data oficial de pagamento do funcionalismo) daquele mês.

O anúncio do parcelamento indignou ainda mais o funcionalismo, que realizouum protesto em frente ao Palácio Guanabara nesta terça-teira. O Muspe tentará se reunir com o governador Luiz Fernando Pezão no próximo dia 22, para levar os pleitos, como o de calendário único.

Coordenador do sindicato de profissionais da Faetec — que fazem parte dos 207 mil à espera do crédito de abril — e um dos líderes do Muspe, Marcos Freitas classificou o parcelamento como “ultrajante”.

“Já são dois meses de atraso e o servidor ainda receberá R$ 700. Esperamos que Pezão nos receba no dia 22”, declarou Freitas. Já o salário de maio só será pago em dia, ou seja, nesta quarta-feira (que é décimo dia útil), para os ativos da Secretaria de Educação — incluindo o Degase — e para a Segurança (ativos, aposentados e pensionistas).

De acordo com a Fazenda, ao todo, será depositado o valor líquido de R$ 913,7 milhões para 240 mil ativos, inativos e pensionistas. O crédito só será possível porque a pasta utilizará recursos do Fundeb.

FONTE: O DIA online