MOVIMENTO DE ABRIL 2017 – UNIDOS PELA SECRETARIA DE FAZENDA

UNIDOS PELA SECRETARIA DE FAZENDA

Ninguém discorda que estamos vivendo a maior crise das finanças do Estado do RJ. Ela é o resultado de décadas de imprudência e de irresponsabilidade de nossos governantes. Tais políticas acarretaram uma situação de desequilíbrio que não é só conjuntural, mas estrutural, sem solução no curto prazo.

Entre os segmentos mais sacrificados desde o ano passado, estão os servidores civis do Estado do Rio de Janeiro, em especial os que fazem parte do Poder Executivo.

E mesmo entre as diversas categorias do Executivo, encontramos diferenças de tratamento, sendo os inativos os que mais foram desconsiderados pelas prioridades de pagamentos até o momento.

Em razão desse quadro de desigualdades injustificáveis, um grupo de pensionistas de Auditores e de Auditoras Fiscais resolveu iniciar um movimento de mobilização, convocando os órgãos de representação dos servidores da SEFAZ para desenvolver uma nova frente de ação contra a atual situação.

O primeiro resultado concreto desta ação foi o ato realizado em 18 de abril passado, que contou com o apoio do SINFRERJ (Sindicato dos Auditores), da AFRERJ (Associação dos Auditores) e do SINFAZERJ (Sindicato dos  Fazendários do Estado do RJ).

É claro que a estimativa de adesão, frente ao quadro calamitoso que afeta a vida de todo um grupo de servidores, era de um número muito maior de pessoas. Mas o valoroso grupo de servidores ativos, inativos e de pensionistas  presentes, com sua motivação, disposição e compromisso com a causa, fez com que o evento recebesse a atenção das pessoas que passaram pelo local e até mesmo da grande imprensa, que repercutiu o ato com notícias nos telejornais da tarde de duas grandes emissoras (Globo e Record).

Para quem perdeu o evento podemos dizer que foi pacífico, sem deixar de ser firme, e foi respeitoso, sem deixar de ser irônico, ao apontar alguns dos responsáveis pelo ambiente de calamidade fiscal.

O mote da mobilização foi o enterro das práticas equivocadas que nos colocaram neste ambiente de incertezas. E por isso não faltaram os cânticos, as velas, as coroas de flores e nem mesmo o caixão…

Este foi o primeiro evento de um movimento que deve perdurar até que os recursos que nos são devidos voltem a ser depositados regularmente.

A Fazenda, e em especial a Receita Estadual, deveria receber tratamento especial em razão de disposição da própria constituição federal que assegura recursos prioritários, em razão da nossa importância como garantidores do fluxo de recebimento das receitas tributárias e não tributárias. Ao invés disso, por todos esses últimos meses, estamos sendo preteridos em favor de servidores ativos e inativos de outras secretarias de estado. Não queremos tratamento especial, mas é inaceitável ficar no fim da fila, quando se trata de receber salários, aposentadorias e em especial as pensões.

Temos que destacar nesta mensagem a amplitude do nosso movimento, que congrega servidores de categorias distintas, colegas ativos, aposentados e pensionistas.

A descaracterização da nossa SEFAZ foi fruto, dentre outras causas, da desunião entre os componentes das diversas categorias e até mesmo dentro da mesma categoria. A máxima de dividir para reinar, utilizada pelos nossos superiores, foi o instrumento que ajudou a nos afastar do centro das decisões na área fazendária e na área tributária.

Vamos unidos então, mostrar que queremos espaço e autonomia para desempenhar nossas atividades. Vamos mostrar também que, junto com os pedidos de remuneração, temos propostas realistas e efetivas para diminuir os impactos da crise.

O momento, na nossa avaliação, não é condizente com a adoção de medidas mais drásticas, mas o grupo de pensionistas, o SINFRERJ, a AFRERJ e o SINFAZERJ continuarão as suas ações individuais e conjuntas para modificar o quadro atual das coisas.

Temos, enquanto grupos de servidores distintos, demandas particulares e mais específicas.

Entretanto, a guerra pela regularização do nosso pagamento é um ponto de enfrentamento em comum de toda a SEFAZ.

Em breve entraremos em contato com novas informações e propostas de mobilização.

 

GRUPO DE MOBILIZAÇÃO DAS PENSIONISTAS

SINFAZERJ  – SINFRERJ – AFRERJ

 

Jpeg
Jpeg
Jpeg
Jpeg
Jpeg
Jpeg
Jpeg
Jpeg
Jpeg
Jpeg
Jpeg
Jpeg